sábado, 7 de maio de 2016

Angola - Lwini recebe donativo chinês

A Embaixada da China procedeu ontem à entrega de meios de trabalho e bens de primeira necessidade a pessoas com deficiência e mulheres do meio rural O donativo, avaliado em 300 milhões de kwanzas, é composto por material de corte e costura, equipamento completo de salão de beleza e barbearia.

 

 A doação foi feita numa acção de mobilização de patrocínios realizada pela Embaixada da China com o apoio dos seus parceiros, respondendo a uma solicitação de ajuda feita pela Fundação Lwini para o projecto “Integrar pelo Trabalho”, que se consubstancia na entrega de meios que permitam desenvolver pequenos negócios em comunidades no meio rural.

 

 Elda Jará Doutel, chefe do departamento de projectos da Fundação Lwini, explicou que o donativo permite dar sequência às iniciativas que estão em curso desde 2014, no âmbito de programas que visam dar assistência a comunidades carentes. 


A ideia, acrescentou Elda Doutel, é atender pessoas que tenham uma profissão e que apenas careçam de material para desenvolver a sua actividade e obter rendimento para a sua subsistência e da sua família.

O embaixador da República Popular da China em Angola destacou o papel que a Fundação Lwini tem estado a desempenhar na promoção da causa dos grupos mais vulneráveis, fundamentalmente as mulheres e pessoas com deficiência. Cui Aimin disse esperar que os meios de trabalho possam ajudar a melhorar a vida dos beneficiários e fazer com que os mesmos exerçam os seus ofícios.

O diplomata chinês lembrou que a resposta positiva da Embaixada resulta da cooperação entre Angola e a China no que se refere à área da mulher e pessoas com deficiência, que foi promovida por ocasião da visita do Chefe de Estado angolano à República Popular da China, durante a qual a Primeira Dama Ana Paula dos Santos trocou experiências com a Federação Nacional de Mulheres da China.

Na ocasião,ficou acordado que devia haver um maior engajamento na promoção do empoderamento das mulheres e assistência a pessoas com deficiência.
 

 

 Fonte da Notícia – Veja Aqui

Nenhum comentário: