sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Alto-Comissário para o Ébola da Guiné-Bissau em Portugal

INEM recebe visita do Alto-Comissário para o Ébola da Guiné-Bissau O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) recebeu esta terça-feira, 24 de novembro, a visita de Aly Hijazi, Alto-Comissário para o Ébola da Guiné-Bissau.

 
A visita vem aprofundar os laços criados entre o Governo daquele país africano de expressão portuguesa e as várias instituições de Portugal envolvidas na Missão Portuguesa no combate à infeção pelo vírus ébola na Guiné-Bissau, onde se integra o INEM. Aly Hijazi referiu a situação difícil com que o seu país se confrontou ao perceber a dimensão da epidemia do ébola que classificou como “uma doença que chega e leva todas as gerações” e considerou que “é nas situações difíceis que se conhecem os amigos e, neste caso,

Portugal foi o grande amigo da Guiné-Bissau”. Luís Meira, presidente do INEM, referiu a forma amistosa como todos os elementos são recebidos naquele país e lembrou a sua própria experiência como médico na Missão, de onde trouxe “gratas e grandes experiências quer ao nível profissional quer no aspeto humano”, acrescentando que o INEM está totalmente disponível para “continuar a apoiar a área da Saúde na Guiné-Bissau, não só no que se refere ao combate do vírus ébola como também na área da emergência médica”. A Missão Portuguesa no combate à infeção pelo vírus ébola na Guiné Bissau termina a 18 de dezembro.
 

Fonte da Noticia: Veja Aqui

Nenhum comentário: