sábado, 20 de junho de 2015

Cabo – Verde - Artistas cabo-verdianos em concerto para ajudar crianças deficientes

A noite de gala organizada pela Federação das Associações Cabo-verdianas no Luxemburgo (FACVL) juntou no sábado várias artistas cabo-verdianos por uma causa solidária. Mirri Lobo foi o cabeça de cartaz do evento, que teve lugar em Roodt-sur-Syre, uma pequena localidade do oeste do país, e contou com mais de 200 pessoas.



Ao palco subiram artistas como Toy Vieira (vindo da Holanda), Carla Correia, Rita Barros, Tutin D'Giraldo (vindos de Portugal), Djá, Djoy D'Ninha, Erineu, Djon Mota, Anderson, Casimiro, DJ Mendyss e o cabeça de cartaz Mirri Lobo, que veio de Cabo verde.



A gala realizou-se no âmbito da programação anual dos 40 anos de independência de Cabo Verde. O presidente da FACVL, João da Luz, explicou ao CONTACTO que cem por cento do lucro angariado nessa noite seria canalizado para o apoio à Associação de Crianças Deficientes de São Vicente e para a construção de um lar para pessoas portadoras de deficiências e de mobilidade reduzida da região de Paul, na ilha de Santo Antão.

 “O apelo foi lançado pelo presidente da associação em Cabo verde a toda a diáspora e nós decidimos dar o nosso contributo com a realização desta noite de morna”, disse João da Luz, explicando que o presidente da associação, Daniel Gomes, é também ele portador de deficiência física.

 A gala incluiu jantar e concertos de morna, e a organização não poderia estar mais satisfeita. “Ainda não sabemos o resultado concreto mas as pessoas que aqui estão têm dado um feedback muito positivo”, acrescentou.

 O jantar, confeccionado pelo chefe cabo-verdiano Luís Carvalho, do restaurante Metissage, fez as delícias dos presentes, que gabaram a qualidade das iguarias. A FACVL agradeceu o apoio da autarquia de Betzdorf, que cedeu o espaço e o material necessário para a realização da noite de gala e todas as pessoas que quiseram juntar as forças para a preparação do evento.

 “Devo agradecer ao Mirri Lobo que aceitou desde o primeiro contacto, e sem pedir cachet, em participar nesta boa causa”, concluiu o presidente da FACVL. Mirri Lobo, primo do antigo líder do grupo Tubarões Ildo Lobo, venceu em 2012 quatro categorias do prémio Cabo Verde Music Awords, graças ao seu álbum “Caldera Preta”:

 Melhor Voz Masculina, Melhor Álbum Acústico, Melhor Coladeira, e Melhor Musica do Ano. 


 O evento terminou perto das 2h de madrugada com todos os presentes a deixarem o local com sorriso no rosto e alegria no corpo, depois de uma noite bem passada e acompanhada pelas vozes dos artistas das ilhas da morabeza.

  Fonte da Noticia: Veja Aqui - Aleida Vieira

Nenhum comentário: