domingo, 1 de fevereiro de 2015

Angola: Projeto "Vem Comigo" beneficia mais de dez mil pessoas

Luanda - Dez mil e 372 pessoas com deficiência foram inseridas no mercado de trabalho, entre 2006 e 2014, no âmbito do projecto "Vem Comigo", do Ministério da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social (Maptss) e da Associação Nacional dos Deficientes de Angola (Anda), informou neste sábado, em Luanda, o presidente da associação, Silva Lopes Etiambulo.


De acordo com o dirigente, que falava na cerimónia alusiva ao 23º aniversário da associação, a assinalar-se a 1 de Fevereiro, o projecto conseguiu criar postos de trabalho mediante entrega de kits para criação de pequenas empresas.

“Ao longo dos 23 anos da sua existência, a Anda tem realizado vários projectos visando a inserção no mercado do trabalho de portadores de deficiência, com destaque para o Projecto Vem Comigo, apoiado pelo Executivo angolano, o qual já vai na sua quinta fase”, referiu.

De igual modo, Silva Lopes Etiambulo disse que desde 2012 a Associação tem trabalhado com o Ministério da Assistência e Reinserção Social retirou das ruas do município de Cacuaco 67 famílias com deficiência, realojadas na província do Huambo.

Durante a actividade, o director nacional de integração social da pessoa com deficiência do Ministério da Assistência e Reinserção Social, Humberto Costa, disse que o país tem registado um elevado número de pessoas com deficiência, a serem integrados na sociedade.

Para si, é necessário que os deficientes invistam na formação profissional e académica para serem cada vez mais inseridos na sociedade.

A Anda foi fundada a 1 de Fevereiro de 1992, em Luanda, tendo adquirido o estatuto de Utilidade Pública em 2014, facto que tem facilitado a execução de projectos sociais.

  Fonte: Veja Aqui

Nenhum comentário: