sábado, 2 de junho de 2012

Djana Sane “ a Guiné-Bissau já dispõe de atletas para a prova”


O novo presidente de comité paraolímpico da Guiné-Bissau e a direção de federação de desporto para deficientes, Djana Sane e Júlio Mamadu Camara, estiveram ontem reunidos, para analisar a participação da Guiné-Bissau nos jogos olímpicos de Londres.

Segundo Djana Sane “ a Guiné-Bissau, já dispõe de atletas para a prova”, mas a sua preocupação é a condição física dos atletas.
Em resposta a preocupação do presidente, o diretor técnico e técnico dos atletas, Augusto Dias e Pedro Onofly, disseram ao presidente que “os seus atletas estão bem preparados e só estão a espera da chamada para Londres”.
Djana Sane, informou aos técnicos, que houve um convite do seu homólogo de cabo-verde, para partilhar uma secção de treino em angola, antes da partida para Londres, o que foi aplaudido pelos treinadores e o presidente da federação de desporto para deficientes.

Veja Aqui

Nelson Almeida Mendes
Já não era sem tempo.
A Guiné-Bissau não dá um pouco de oportunidade as pessoas com deficiências para eles mostrarem os seus valores.
Ser deficiente na Guiné-Bissau, é ser deixado de lado, sem alternativa para nada.
Mas estou muito feliz por saber que a Guiné-Bissau esta a prnsar levar alguns atletas deficientes para Londres, para o jogo paraolímpico.

Nenhum comentário: