sábado, 26 de maio de 2012

Cancro oral aumenta junto de jovens do Porto


O número de casos de cancro oral aumentou junto da população jovem residente no Porto. As mudanças de mudanças de hábitos sexuais e o consumo excessivo de álcool e tabaco poderão estar na origem do crescimento destes casos clínicos.

Segundo o rastreio da doença, coordenado pelo professor universitário Luís Monteiro, o cancro oral afecta os dois sexos, mas tem registado maior crescimento, desde a década de 90, do século passado, entre as mulheres até aos 30 anos de idade.
Luís Monteiro, que é médico-dentista e docente de medicina oral, admite que o aumento do consumo de bebidas e tabaco nas mulheres mais jovens explicará, em parte, o aumento do número de casos diagnosticados. Outro factor que poderá estar associado à patologia tem a ver com os hábitos sexuais dos jovens, sobretudo o facto de o sexo oral ser um factor de contágio do vírus do papiloma humano (HPV), que provoca o cancro oral.

Fonte: Correio da Manhã

Nelson A. Mendes
Sem comentário. Porque não sei o que dizer.
Penso que a prevenção chega.

Nenhum comentário: